João e Maria

João e Maria

Era uma vez um lenhador que se casou com uma jovem. A vida nessa época era boa, tinha plantação por perto, a carne era farta. Esse casal teve uma menina, que ficou com o nome de Maria, e depois um filho chamado João. Eles vivam felizes e bem até que a guerra chegou e a situação começou a ficar mais complicada para eles arranjarem comida. Passaram fome, tomavam sopa de repolho velho com pão adormecido. Até que um dia o pai resolveu levar as crianças pra trabalhar com ele. Só que o pai tinha um plano, que João escutou durante a madrugada. Eles seriam abandonados pelo pai e, como precaução, João apanhou umas pedrinhas e foi jogando ao longo do caminho que eles percorreram.

O pai os deixou em um local e eles esperaram. Esperaram. Até que resolveram voltar pra casa usando o caminho que João tinha trilhado. O pai ficou arrependido de ter abandonado os filhos e os acolheu com todo o agrado de volta. Até que em uma outra ocasião o pai resolveu levar os filhos novamente. Dessa vez João não teve como se preparar e eles não conseguiram achar o caminho de volta.

Ao tentar voltar pra casa, os irmãos acharam uma casa, com uma velha senhora, que aparentava ser “gente boa” e que morava numa casa feita de guloseimas. O que eles não esperavam era pelo caráter da velha.

Bem, não vou continuar a falar da história porque ela é bem semelhante a que nós conhecemos. João e Maria, originalmente Hansel e Gretel) é um conto escrito pelos irmãos Grimm e essa é uma versão feita pelo Neil Gaiman, com ilustrações de Lorenzo Mattotti. O livro foi lançado aqui no Brasil pela editora Intrínseca e foi minha escolha de leitura pra esse mês de outubro.

A edição está muito bem feita. Em tons de preto e branco, Lorenzo faz com que o leitor fique curioso e observe atentamente cada ilustração. Algumas você percebe logo o que tem na imagem de primeira, mas algumas leva um tempo até você conseguir distinguir as imagens das sombras e tals. Já Neil fez uma versão bem fiel ao conto dos irmãos. Gaiman preservou o coração da história e só alterou algumas coisas (ex: a bruxa do conto original é citado como uma senhora velha, como dito acima, mas ela continua tão cruel quanto) e adicionou detalhes que só enriqueceram o texto.

O que eu mais gostei foi que, ao final do livro existe duas páginas que falam da história do conto e da vida dos irmãos Jacob e Wilhelm. Enfim, é um livro curtinho que dá pra ler em poucos minutos.

João e Maria – Neil Gaiman
ISBN-13: 9788580577761
ISBN-10: 8580577764
Ano: 2015 / Páginas: 56
Idioma: português
Editora: Intrínseca

Ando muito sumida porque ando muito ocupada. Greve acabou, federal voltou e eu ainda tenho meus trabalhos pra dar conta (e as doenças querendo pegar no meu pé).

;*

FUI!!!

Comente este post!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Luly

    Aihn, eu adoro Contos de Fadas!! Não sabia dessa edição de João e Maria, será que eles falaram dela na Turnê e não lembro? Vou procurar mais, gosto principalmente quando o livro é ilustradinho assim…

  • Lívia

    A história de João e Maria é uma das muitas que só conheço de ouvir minha mãe contar. É uma história bem triste no final das contas, né? Achei uma graça os arabescos que mostrou na foto *-*
    Um beijo!